PMN diz que seguirá com grupo de situação, mas que ouvirá maioria do partido




O Presidente do Partido da Mobilização Nacional PMN em Juazeirinho Jorge Ramos, disse ao Imparcial PB que o partido seguirá com o grupo de situação, mas que o posicionamento final só após ouvir a militância do partido. 

"Vou consultar o grupo, mas a decisão será coletiva" disse Jorge

O PMN fez parte da base de Bevilaqua Matias, mas atualmente faz parte da base de situação, filiado ao partido Adilson Cardoso, atualmente é chefe de gabinete da gestão.