Maranhão pretende ficar fora da disputa eleitoral de 2018: “Não quero ser candidato”


O presidente do Diretório Estadual do PMDB, senador José Maranhão, garantiu que não pouparia o PMDB de ser protagonista na disputa eleitoral em 2018, na postulação pelo Governo do Estado. O dirigente lembrou que ainda falta muito tempo para essas articulações e avalia que o partido tem bons nomes para serem pensados.
“A eleição ainda acontece em 2018 e daqui para lá muita água vai rolar por baixo dessa ponte”, destacou. Maranhão disse que sempre defendeu o fortalecimento do partido e não contribuiria para um enfraquecimento da legenda.
Em relação aos nomes que poderiam ser lançados pelo partido, o senador avalia que há representante fortes dentro da legenda, mas que ele mesmo não seria a prioridade. “Nós podemos ter qualquer candidato. Todos os companheiros que têm prestígio e visibilidade podem ser candidatos”, disse. No entanto, Maranhão garantiu que “seria a última hipótese”: “Eu tenho sustentado que não quero ser candidato”, afirmou.

Blog do Gordinho