Canteiro é preparado para obra de ampliação da BR-230, na Paraíba




A obra de ampliação da BR-230, que começa em Cabedelo, na região da Grande João Pessoa, já está na fase de preparação do canteiro de obras. No trecho do km 8 da rodovia federal, entre o Poço e Intermares, em Cabedelo, já existem máquinas e faixas de isolamento. A obra deve contemplar mais de 26 km da estrada, criar a terceira faixa de rodagem, além de novos viadutos e passarelas.

A assessoria de imprensa do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) informou que, segundo o fiscal do contrato, engenheiro Rainer Rembrandt, a ordem de início dos serviços foi assinada em 10 de março de 2017, consolidando o início da obra, que se encontra em fase de mobilização do canteiro de obras. Essa fase pode levar até 60 dias, contados da ordem de início dos serviços.​


A obra
O DNIT confirmou que vai construir 13 novos viadutos no trecho de 28 km da BR-230, que será alargado, entre a cidade de Cabedelo e o bairro de Oitizeiro, em João Pessoa. Além dos elevados, o órgão anunciou a ampliação de outros três para abrigar as novas faixas que serão construídas.

De acordo com o DNIT, a rodovia, que hoje tem duas faixas nos dois sentidos, passará a contar com três faixas de ida e mais três de volta. As obras devem ter início depois da fase de mobilização do canteiro de obras. A previsão é que o serviço seja concluído em janeiro de 2020.
Segundo o DNIT, a intervenção, orçada em mais de R$ 255 milhões, vai ser executada pelo Consórcio Copasa/Construcap, formado pelas companhias Sociedade Anonima Copasa e Construcap - CCPS Engenharia e Comércio SA. Em janeiro, o orçamento, como publicado no Diário Oficial da União, previa um custo total de R$ 225 milhões.

Ainda de acordo com o órgão federal, além das novas faixas e dos viadutos, vão ser construídas mais de dez passarelas para pedestres ao longo dos 28 quilômetros do trecho contemplado.

Com o alargamento da rodovia, os viadutos de Manaíra, UFPB e Cristo vão ser ampliados para acomodar as novas faixas. O DNIT informou também que, ao longo da execução, vai divulgar o cronograma de interdições da rodovia para que a intervenção seja feita.

G1PB
Tecnologia do Blogger.