Ricardo se reúne com integrantes da APLP e anuncia concurso para professores da rede estadual


O governador Ricardo Coutinho se reuniu no início da tarde desta quinta-feira (27) com integrantes da Associação dos Professores de Licenciatura Plena da Paraíba (APLP-PB) para falar sobre a implementação da gestão pactuada entre o Governo do Estado e Organização Social (OS) na Educação do Estado. Na oportunidade, o socialista anunciou concurso para a contratação de novos professores, mas não entrou em detalhes do certame.
“Tenho o apoio da APLP. Esse é um debate que se baseou na mentira e mentira tem pernas curtas. Isso ficou pra trás. Todo professor sabe que é melhor e ouvi da APLP o apoio à gestão pactuada, como estou tendo das entidades estudantis e tenho moral para falar sobre isso. Fui cobrado e estou reafirmando, vou deixar o magistério com o dobro da remuneração que tinham em 2014”, disse.
Em entrevista à Rádio Correio FM, Ricardo voltou a desafiar críticos da gestão pactuada da Educação, a exemplo do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD). “Não espero absolutamente nada do atual prefeito de João Pessoa. Ele faz uma gestão deprimida”, disse.
O gestor cobrou ainda a finalização da obra da Beira Rio e criticou os dados de calçamento de ruas nas duas gestões de Cartaxo. “Governei a prefeitura com orçamento de R$ 700 milhões, hoje é de R$ 2,5 bilhões e ele não consegue calçar 39 ruas em quatro anos e meio, leva quatro anos para fazer uma passagem molhada sob o Rio Jaguaribe, na Beira Rio, que não termina […] Ele falar que essa é a velha política eu não sei. Estou dando direito aos trabalhadores, estou dando a solução para problemas da rede de educação”, disse.

Blog do Gordinho
Tecnologia do Blogger.