Ministério das Cidades anula mudanças na renovação da CNH


O Ministério das Cidades decidiu anular a resolução do Departamento Nacional de Trânsito, o Denatran, que exigia a realização de um curso para quem fosse renovar a carteira de habilitação. Esta medida iria entrar em vigor em junho deste ano.
Segundo o ministro da pasta, Alexandre Baldy, o intuito de revogar esta resolução é reduzir os custos e simplificar a vida dos brasileiros.
“Determinei ao presidente do Departamento Nacional de Trânsito, Maurício Alves, que revogue a resolução que tornaria obrigatórios procedimentos para que os usuários, ao renovar a Carteira Nacional de Habilitação, obtivessem novos procedimentos para que pudesse ser mais burocrática esta renovação. O governo federal deseja tornar simplificada a vida dos brasileiros e desejamos, sim, a diretriz de reduzir custos em todos os serviços que pudermos aos cidadãos.”
Em nota, o Ministério das Cidades reafirmou o compromisso de promover a segurança no trânsito, mas com medidas que não aumentem o custo e a burocracia para a população.

Portal Correio